Loading...

Pai e padrasto tornaram-se amigos para dar o melhor para a sua filha

0
303
Pai e padrasto ficam amigos

Chegar ao fim de uma relação nem sempre é algo fácil. Separar de uma pessoa com a qual compartilhou anos de sua vida e seguir em frente sozinho, recomeçar e construir uma nova família pode ser complicado, mas muitas vezes é inevitável.Quando há crianças envolvidas, o processo todo pode ser ainda mais delicado, especialmente quando o pai que está com a guarda do filho encontra um novo parceiro. Estranhamento, discussões e desconfiança podem surgir, pois sabemos que em muitos casos, o relacionamento entre padrastos/madrastas e enteados/enteadas podem ser muito complicados.

No entanto, é possível sim criar um relacionamento feliz e saudável entre pais, filhos e padrastos/madrastas e uma família americana nos dá o exemplo.

Dylan Lenox é o novo companheiro de Sarah Caitlin, que tem uma filha chamada Willow, de 5 anos. A menina é fruto de um relacionamento anterior com David Lewis, que é um pai muito presente.Essa situação tinha tudo para dar errado, mas os dois homens tiveram uma abordagem completamente diferente da situação. Ao invés de se tornarem inimigos e causar uma confusão na mente e coração da menina, eles decidiram se tornar amigos e se manterem presentes na vida de Willow e Caitlin de uma maneira saudável.

Dylan fez uma publicação no Facebook contando um pouco melhor como vive o seu relacionamento com Caitlin, Willow e David e conquistou milhares de pessoas, são mais de 264 mil reações e 151 mil compartilhamentos na rede social.

“Não, nós não somos um casal do mesmo sexo, mas compartilhamos uma filha”, escreveu Dylan, e acrescentou:“David é o ex-marido de Sarah e eu sou o noivo. Nós nos tornamos uma única família… pelo bem de nossos filhos, para eles conhecerem o poder do amor. Eu não apenas ganhei uma filha, ganhei um irmão e uma melhor amiga. Obrigado, Sarah, por deixar tudo isso acontecer!Quando nos importamos mais com nossos filhos (dos dois lados) do que com o modo como a sociedade nos ensinou a ser (ex’s / mães / pais), então as paredes cairão, a vida estará livre de ódio e remorso (…) Ele fica em nossa casa quando a visita, porque a família é sempre bem-vinda. Ele não é um estranho, ele é e sempre será uma parte da minha vida pelo simples fato de compartilharmos a mesma filha! Claro que nem um único momento seria assim, sem Sarah (mamãe) e seu generoso e generoso coração! Willow Grace, você é amada por tantas pessoas neste mundo e seus pais o amam!”

Um grande exemplo de uma família muito sábia, que colocou a filha acima de todas as convenções da sociedade e aprendeu a viver em harmonia e paz, apesar das diferenças.

Esperamos que essa história tenha te inspirado a acreditar que é possível sim criar uma família feliz mesmo após o divórcio!

Se você gostou da história, compartilhe-a nas suas redes sociais!


Direitos autorais das imagens utilizadas no texto: Reprodução Facebook / Dylan Lenox

Posts mais recentes

Comentários